Wednesday, March 28, 2007

Para quando o pavilhão novo?

Hoje, quarta feira, 21h em Fânzeres, Gondomar: F.C.Porto-U.D.Oliveirense



É hoje o jogo decisivo para apurar um dos finalistas do Campeonato Nacional de hóquei em patins. Na outra "negra" das meias finais jogam Benfica e Barcelos. No jogo de hoje o FCPorto não terá o seu guarda redes titular (Edo) mas contará com um pavilhão lotado de adeptos azuis e brancos. A Oliveirense de Tó Neves é um valoroso adversário e o jogo promete ser emocionante. O Lucho não faltará a este importante jogo do FCPorto. Força Pentacampeão, rumo ao hexa!!!



Para quando um pavilhão para as modalidades de alta competição do FCPorto? Uma promessa eleitoral do actual Presidente que está por concretizar. É absolutamente determinante que os sócios do FCPorto o exigam agora que as eleições estão a aproximar-se, seja qual for o candidato. O FCPorto já joga fora das Antas desde 2000. Já lá vão 7 anos.

11 comments:

lucho said...

Esqueci no post de colocar q o árbitro do slb-fcp é pedro proença, mais um de lisboa...uma vergonha... mas o fcp passa bem por cima disso se jogar o q sabe...O Correio da manhã hoje destaca q o árbitro é suspeito do apito mas não destaca q proença é benfiquista e até já jogou nas camadas jovens do slb...

Anonymous said...

Sou sócio do Porto e também acho importante que o novo pavilhão passe das palavras aos actos. Sobre o futebol destaco mais um arquivamento no apito dourado, o caso da final da taça porto-leiria. Pinto da Costa com mais uma vitória.

Anonymous said...

Pedro Proença, arguido, ex-atleta do Benfica...escolha soberba dª Maria José. Quanto ao arquivamento do processo Leiria-Porto, só me cheira que foi arquivado, porque um dos envolvidos era....Pedro Henriques o homem que deu o titulo ao Benfica no Bessa e fez o trabalho irrepreensível no Porto-Sporting como até o seu "amigo" Coroado foi obrigado a dizer!

Anonymous said...

Pavilhão novo... vejamos. O Carmona com as trafulhices em Lisboa, vão ter de lhe arranjar um novo tacho. Talvez venha para a Camara do Porto pois o sonho de Rio é Lisboa. Aí colocado pensando que está a beneficiar LFV, altera o PDM et voila, não faltarão terrenos para o ambicionado pavilhão!

BLima said...

Nós para o basquetbol tamos servidos com o belissimo Pavilhão Rosa Mota, agora o hoquéi estar sempre jogar em Fanzeres é lixado pois tem despesas de deslocações e se calhar nem todos oa adeptos da cidade que acompanham o hoquéi tem a possibilidade de ir ver.

Aquele espaço do antigo Estádio das Antas podiam aproveita-lo para fazer lá o Pavilhão mas esse espaço também tem uma grande utilidade para estacionamento nos dias de jogos do Porto.

Abraço
BLima

http://frente-de-ataque.blogspot.com/

RUI MOREIRA said...
This comment has been removed by a blog administrator.
FERNANDO GOMES said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Anonymous said...

«Logo à primeira jornada, Mourinho deu-se mal com o juiz. Reclamou, talvez não da melhor maneira, e com certeza de forma demasiado entusiástica, o que o levou encaminhar-se para o balneário mais cedo do que esperaria. A punição obrigou-o a ver o jogo com o Boavista de um camarote e sem possibilidade de falar com os jogadores ao intervalo devido a um ligeiro problema de… falta de elevadores.

Mais recentemente, já depois de também ter sido expulso no jogo da Taça UEFA com a Lázio, voltou a «chocar» com Proença. Foi no jogo com a Académica, que curiosamente também terminou em empate, tal como tinha sucedido com o Belenenses. Na parte final do jogo, quando a equipa tentava tudo para chegar ao golo, a bola chega a entrar na baliza, mas um fora-de-jogo anulava o lance. Mourinho não se conteve e até à ordem de expulsão foi um pequeno instante.

Pedro Proença voltava a cruzar-se com o dragão e Pinto da Costa não escondia indignação por ter esperado uma hora e meia para assinar o relatório de jogo. Um dia depois a Comissão Disciplinar da Liga anunciava um castigo de 15 dias e uma multa de 4500 euros ao treinador portista. Mais um no currículo de Mourinho, que está época não tem conseguido sentar-se no banco em todos os jogos.»

Aí está o artista.

Anonymous said...

Vem isto a propósito da nomeação de Pedro Proença para o jogo grande do fim-de-semana.

O Sporting-FC Porto não pode ser dirigido por um árbitro que é arguido no Apito Dourado; mencionado em escutas telefónicas pelo presidente do FC Porto; que é sócio do Benfica e vive em Lisboa.

A suspeição já anda no ar e a culpa não é de Pedro Proença. Bastará que aconteça uma ou outra situação menos clara para que o árbitro seja sancionado pelos dirigentes, adeptos e comunicação social.

E, afinal, o juiz lisboeta não passa de mais um peão utilizado por quem decide se ele sobe ou desce de categoria; arbitra ou não jogos internacionais; dirige ou não os melhores jogos a nível nacional.

Destes estigmas Proença não se livra, mas se não anuir às “regras” em vigor…

Carlos Severino
Jornalista

Isto dizia o Sr. Carlos Severino que se diz jornalista, mas efectivamente era empregado do Sporting a propósito duma nomeação passada. O que dirá agora?
Este país é só rir!

RUI MOREIRA said...
This comment has been removed by a blog administrator.
BLima said...

Olha depois passa no meu e comenta a questão que meti em relação à Preparação Física do Porto...

Abraço
BLima

http://frente-de-ataque.blogspot.com/